Brasil entre os países mais sustentáveis do mundo

GREENDEX 2009

greendex2_abre325x167px

Brasil: entre os países mais sustentáveis do mundo

Como no ano passado, o índice Greendex, elaborado pela National Geographic Society apontou os países em desenvolvimento – Índia, Brasil e China – entre os líderes no ranking dos mais sustentáveis. Mas caímos 1,3 pontos. No item alimentação, por exemplo, nosso desempenho deixa a desejar já que somos um dos que mais consomem carne.

Mônica Pileggi
National Geographic – 13/05/2009

A segunda edição do Greendex: Escolha do Consumidor e Meio Ambiente – Pesquisa de Acompanhamento Mundial – índice verde que mede e monitora o impacto do comportamento dos consumidores no meio ambiente – revela que as pessoas estão mais conscientes para atitudes que beneficiam os recursos naturais do planeta.

Assim como no ano passado, os países em desenvolvimento, como Índia, Brasil e China, são líderes no ranking. O Brasil, que no ano passado conquistou a maior nota, caiu 1,3 pontos e segue atrás da Índia, primeiro lugar na lista dos países de atitudes mais sustentáveis. Os brasileiros são os únicos que registraram redução no índice e, novamente, os americanos e canadenses são os últimos colocados.

A segunda edição do Greendex: Escolha do Consumidor e Meio Ambiente – Pesquisa de Acompanhamento Mundial – índice verde que mede e monitora o impacto do comportamento dos consumidores no meio ambiente – revela que as pessoas estão mais conscientes para atitudes que beneficiam os recursos naturais do planeta.

Assim como no ano passado, os países em desenvolvimento, como Índia, Brasil e China, são líderes no ranking. O Brasil, que no ano passado conquistou a maior nota, caiu 1,3 pontos e segue atrás da Índia, primeiro lugar na lista dos países de atitudes mais sustentáveis. Os brasileiros são os únicos que registraram redução no índice e, novamente, os americanos e canadenses são os últimos colocados.

Greendex: ranking dos principais países

Consumidores

2009

2008

Consumidores

2009

2008

Indianos (1º)

59.5

58.0

Alemães (10º)

51.1

48.1

Brasileiros (2º)

57.3

58.6

Suecos (10º)

51.1

NA

Chineses (3º)

56.7

55.2

Australianos (12º)

50.5

47.8

Argentinos (4º)

54.7

NA

Franceses (13º)

49.5

46.5

Sul-coreanos (4º)

54.6

NA

Ingleses (13º)

49.4

48.2

Mexicanos (6º)

53.8

52.7

Japoneses (13º)

49.3

47.4

Húngaros (7º)

53.3

51.7

Canadenses (16º)

47.5

46.3

Russos (8º)

52.0

51.1

Americanos (17º)

43.7

42.4

Espanhóis (9º)

51.4

48.0

Conduzido pela primeira vez em 2008, o índice verde, elaborado pela National Geographic Society e pela empresa de pesquisa de opinião GlobeScan, conta com três novos participantes: Argentina, Coréia do Sul e Suécia; avaliados junto a Austrália, Brasil, Canadá, China, França, Alemanha, Grã-Bretanha, Hungria, Índia, Japão, México, Rússia, Espanha e Estados Unidos.

Ao todo, dezessete mil consumidores responderam a questões sobre moradia, transporte, alimentação e bens de consumo. O Greendex é determinado tanto pelas escolhas ativas – como a substituição de itens ou a escolha de produtos verdes -, como as circunstanciais – como o clima em que se vive, disponibilidade de produtos sustentáveis ou transporte público.

ECONOMIA
Mais do que em 2008, os entrevistados apontaram a economia como o fator mais importante, que, de certa forma, contribui para o consumo consciente. Cerca de 80% relatam que o custo foi um dos principais motivos para a redução do consumo de energia elétrica.

No Brasil, a pesquisa revela que mais da metade dos consumidores acredita que o governo incentiva a economia de água e energia. Além disso, os brasileiros demonstraram confiança – acima da média – nas iniciativas ambientais de empresas e indústrias.

Os brasileiros também estão entre os que mais se deslocam a pé ou de bicicleta e tendem a usar mais os transportes públicos. Já na Argentina, China, México e Coréia do Sul, o alto preço dos combustíveis fez com que a maioria optasse permanentemente por transportes alternativos. Terry Garcia, vice-presidente executivo da “National Geographic Mission Programs”, vê esses fatores com otimismo, “é interessante notar que os problemas econômicos parecem trazer boas notícias para o meio ambiente”, diz.

BRASIL
A maior pontuação do país, entretanto, vem da habitação. Quase 90% possui residência de quatro cômodos ou menos – assim como os sul-coreanos. Os brasileiros são também os que menos usam aquecimento em casa e tendem a optar por equipamentos que economizam energia.

No item alimentação, o desempenho do Brasil é desanimador em relação ao ano passado. Assim como os argentinos, os brasileiros ainda consomem grande quantidade de carne bovina e a maioria dos consumidores de ambos os países desconhece que esse alimento demanda muita água em sua produção.

Entre os que menos consomem carne de frango e de boi, estão os sul-coreanos, ocupando a terceira posição do ranking neste item. Embora participando pela primeira vez do Greendex, argentinos e sul-coreanos ocuparam o quarto lugar na pesquisa, ambos com 54 pontos. Já os Suecos ficaram em décimo.

MEIO AMBIENTE
Para a maioria dos consumidores, a preocupação com a preservação da natureza influencia no momento de optar por um estilo de vida mais sustentável. Entre os 17 países avaliados, 55% dos entrevistados concordaram estar “muito preocupados com o meio ambiente”.

Grande parte das respostas são dos chineses, brasileiros e sul-coreanos. Apenas 14% são contra essa afirmação. Os suecos, por exemplo, acreditam que os problemas ambientais não têm impacto direto em sua saúde, pensamento compartilhado pelos consumidores americanos. Estes, por sua vez, são céticos em relação as consequências do aquecimento global e discordam que o seu estilo de vida possa prejudicar o meio ambiente.

Abaixo, os gráficos da pesquisa:
Frequência de consumo de água engarrafada em cada país
Frequência de manutenção do aquecedor / uso em baixa temperatura para poupar energia
Frequência do uso de água fria para lavar roupa, poupando energia
Com que frequência as pessoas de cada país se locomovem a pé ou de bicicleta
Frequência de utilização de transportes públicos locais
Com que frequência os consumidores dirigem um carro ou caminhão, sem levar passageiros
Frequência de consumo de carne em cada país
Frequência de consumo de peixe ou frutos do mar em cada país
Com que frequência os consumidores de cada país evitam os embalados
Frequência de reciclagem de materiais

Anúncios

Deixe o seu comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s